Fenasoja

PORTAL OFICIAL DA IMPRENSA

Geral
29 de Abril de 2018

Anunciada a equipe vencedora do Hackathon do Agro

O grupo Disruptura recebeu R$8 mil em premiação.

As últimas 24 horas foram de muito trabalho, pesquisa e dedicação para os participantes da Hackathon. Maratona focada em soluções de problemas referentes ao Agronegócio. O desafio foi lançado pela Agência de Desenvolvimento de Santa Rosa, com o apoio da Fenasoja e da AGCO. O objetivo foi encontrar uma solução logística para integrar consumidores, revendedores e concessionárias.


Foram mais de 150 participantes, entre os quais estudantes e profissionais ligados às instituições de ensino da região. Além de profissionais autônomos de áreas relacionadas à tecnologia e engenharia, os quais compuseram os 14 grupos concorrentes.


Na tarde deste domingo, 29, as equipes apresentaram suas propostas, e os jurados escolheram a Solução apresentada pelo grupo "Disruptura" que receberá o equivalente de R$8 mil em premiação: R$5 mil em serviços e R$3 mil em dinheiro. O segundo lugar ficou para o grupo "Hiemacom" e com o prêmio de R$4 mil: R$2 mil em serviços e R$2 em dinheiro. O terceiro ficou com o "Ajude o Odair" e recebeu um troféu de premiação.


A equipe premiada desenvolveu uma aplicação que busca resolver a dificuldade do operador de máquina mais antigo que tem uma restrição a tecnologia e o jovem que gosta da mesa, mas não tem muito conhecimento de funcionamento da máquina. Além da concessionária que tem muita dificuldade em levar a peça e disponibilizar o técnico na lavoura. De acordo com a integrante Natália Anderle, de Três de Maio e estudante da Setrem, "realizando uma aplicação bem simples, onde ela é toda intuitiva, o operador entra na máquina e a aplicação vai iniciar, a própria máquina vai questionar o operador. Ele não precisa fazer absolutamente nada, muito menos saber o que perguntar, ela vai fazer os questionamentos e a partir disso vai realizando as operações", explica.


As soluções superaram as expectativas dos jurados. Para o Diretor de Operações da AGCO, Dênis Dutra de Oliveira, o motivo do Hackathon é bastante interessante. "A gente está sempre buscando desenvolver novas tecnologias para auxiliar a agricultura e para que ela continue sendo esse setor forte da economia do país. Então, nada melhor que poder reunir pessoas desse ramo, da nossa região que querem pensar e contribuir com isso", finaliza.

Fique informado de tudo!

Todas as novidades no seu e-mail.